Infoblog no 2º Encontro de Blogueiros da Microsoft

Quantas vezes você pegou um manual de configuração de algum gateway, roteador, firewall ou VPN e encontrou uma figura como essa ai de cima?

Pois é… Aparentemente a próxima palavra que vai ter mais um significado no dicionário por causa da Internet é a palavra “nuvem”. Ela foi a palavra-chave da discussão no 2o encontro de Blogueiros com a Microsoft que eu tive o prazer de participar a convite do Fugita do Techbits e do Galileu da própria Microsoft.

convidados para o encontro sobre Servives + Softwares : Gabriel Tonobohn (Oito Passos), Galileu Vieira (Microsoft), Carlos Cardoso (Meio Bit), Alexandre Fugita (Techbits); Eu e o Rui Maciel (WNews). No Rio de Janeiro estiveram presente via vídeo conferência o Rodrigo Ghedin (WinAjuda) e o Nick Ellis (Digital Drops)

O objetivo do encontro foi mostrar como que os novos hardwares ou softwares da Microsoft irão usar a internet para várias novas funcionalidades, desde “simples” sincronização de arquivos entre computador-computador ou computador-gadget, publicação de fotos/textos em sites (como por exemplo Word + WordPress) e até programas inteiros, como webmails corporativos, todos eles utilizando a plataforma “nas nuvens” da Microsoft – o Live

Um dos cases mostrados foi os novos celulares Motorola da Vivo com acesso ao Live

Além da conversa com todos os blogueiros, foi também exibido o keynote do Ray Ozzie no Mix 08 que aconteceu recentemente em Las Vegas. Não achei no You Tube, mas achei um breve resumo no Good News and No News do Cezar Guimarães

Mas Jonny, quais as vantagens de se ter um sistema online?

Como usuário há algum tempo de programas que utilizam a internet como base, posso destacar algumas ótimas vantagens de se utilizar aplicativos online:

– Você pode acessar de qualquer computador conectado na Internet;
– Várias pessoas podem ter acesso ao mesmo documento (inclusive ao mesmo tempo, dependendo da permissão) e editá-los;
– Arquivos sempre atualizados para todos os usuários;
– Quando cobrado, normalmente o valor pago é pelo número de usuários e não por número de licenças;
– Normalmente esses aplicativos são multi-plataforma (Mac, Linux, Windows e até mesmo Mobile);
– Os programas estão sempre atualizados;
– Terceirização de backups, segurança, etc;
– Menor custo de implantação;
– Ocupam menos espaço na instalação (ou nem precisam ser instalados);
– Necessitam de menos hardware.

(ERP da empresa acessível via celular. Consulta de estoque de qualquer lugar a qualquer hora)

Algumas desvantagens

– Dependência de conexão com a Internet;
– Dependência de banda (de preferência, bem larga);
– Dependência do Servidor estar online;
– Atualmente a maioria dos aplicativos estão longe de ter a funcionalidade das suas versões offline;
– Inexistência de aplicações que possuem alto consumo de memória/processamento – Autocad, Edição de filmes, Maya, etc…;
– O Produto pode sumir de uma hora para outra (por exemplo: a empresa que fornece o aplicativo simplesmente falir)

Mas a parte mais ilustrativa do pensamento da Microsoft sobre o assunto foi quando o Cardoso perguntou a respeito de como convencer usuários a migrar para aplicativos online. A resposta foi dada pelo Diretor de Serviços Online da Microsoft (e funcionário com mais tempo de casa na América Latina) Osvaldo Oliveira:

” Não queremos convencer ninguém. Queremos é ter todas as opções possíveis, seja online ou offline. Cabe ao usuário decidir qual é a melhor opção para a sua necessidade”

Uma visão que aparentemente está sendo acompanhada pela sua concorrente Google, que até outro dia apostava todas suas fichas em aplicativos web, mas agora já trabalha com betas offline do Docs e o Callendar, juntamente com o desenvolvimento do seu Sistema Operacional móvel Android.

Outos posts sobre o encontro:
Oito Passos – Encontro – Blogueiros e Microsoft
Meio Bit – Encontro de Blogueiros com a Microsoft: Resultados
Winajuda – 2º encontro Microsoft com bloggers

*******************************

Por fim, uma curiosidade interessante – os nomes das salas de reunião da Microsoft

Estranho não existir uma “Sala Windows”…

4 thoughts on “Infoblog no 2º Encontro de Blogueiros da Microsoft

  • 10/04/2008 at 1:15 pm
    Permalink

    Sala Windows. AIUHSUIEAHSEIHiuse
    Eles estão com medo que o prédio inteiro entre em colapso por causa da sala Windows.
    aisuehais

  • 10/04/2008 at 5:16 pm
    Permalink

    Será que não é porquê todas as salas já tem janelas?

  • 17/06/2008 at 5:34 pm
    Permalink

    Parabéns Johnny, caramba só bixo bom de serviço e vc lá no meio, rs…
    Parabéns, vc merece!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *